Pular para o conteúdo

nua

Finalmente, vídeos!

O leitor mais atencioso já deve ter percebido que, em mais de dois anos de site, nunca publicamos um vídeo sequer. Temos dezenas de textos, centenas de fotos, mas, até o momento, nenhum filme – no máximo, um ou outro gif perdido por aí. Não que tenhamos algo contra o formato em si, apenas somos preguiçosos; para nós, gravar é mais difícil e dá muito mais trabalho do que fotografar, simples assim.

No entanto, eventualmente ao longo dos anos fomos fazendo um vídeo aqui, outro ali, e percebemos que temos acumulado alguns materiais interessantes, que merecem ser vistos. Criamos uma conta no Pornhub para hospedá-los, e começaremos a publicá-los a partir de hoje; são na maioria deles conteúdos bem diferentes, voltados para fetiches – não esperem vídeos de papai e mamãe em primeira pessoa e afins.

Mão feminina segurando uma taça cheia de xixi
Servidos??
Continue a ler »Finalmente, vídeos!

Dez mil!

Somos honestos: se há um ano atrás, quando criamos nosso perfil no Instagram, alguém profetizasse que ele chegaria a dez mil seguidores, nós cairíamos na risada. Esse crescimento todo nos surpreendeu bastante, e bolamos duas teorias para explicá-lo:

  • O Instagram nos sugere com muita frequência. A gente já percebe um certo padrão tanto em nossos seguidores quanto nos perfis que eles acompanham, o que leva a crer que somos muito sugeridos para um determinado recorte de usuários.
  • Aparecemos muito nos resultados de pesquisas. Em outubro mudamos o nosso nome de usuário: de um imperceptível e enigmático @curiouscouplerj trocamos para o significativo @_casalfetichista. Foi após essa mudança que o nosso número de seguidores explodiu – acreditamos que, depois da troca, o Instagram começou a nos mostrar quando as pessoas pesquisam por coisas como “casal fetichista”, “fetiches de casal” e afins.
Mulher nua segurando balões prateados na forma de "10k"
Usar balões para comemorar seguidores é clichê? Sim. Mas, às vezes, é bom se render ao caminho mais fácil.
Continue a ler »Dez mil!

Asha Club Rio

Gostamos de casas de swing porque elas desburocratizam a putaria. Enquanto os apps foram tomados por gente que diz “buscar amizades”, mas é incapaz de dizer mais que um “oi” no chat, nas casas você satisfaz os hormônios libidinosos sem precisar sequer saber o nome dos envolvidos. Apreciamos muito isso, e só não as frequentamos mais por causa das indisponibilidades típicas da vida do proletário.

No Rio de Janeiro há três estabelecimentos que se dedicam exclusivamente ao swing: 2a2, Mistura Certa e Asha Club Rio. Visitamos a 2a2 ano passado, e fomos ao Mistura meses atrás; faltava apenas a Asha para completarmos a tríplice coroa da putaria carioca. Assim, quando um feriadão livre nos surgiu, não pensamos duas vezes, e viajamos até a Barra da Tijuca para buscar a última figurinha de nosso álbum.

Propaganda da noite da lingerie da Asha Club Rio.
Era “noite da lingerie”, mas pouquíssimas estavam vestidas a caráter. Sugestão para a casa: que tal alguns incentivos nas noites assim? Dose dupla para quem for ao bar usando apenas calcinha e sutiã, por exemplo…
Continue a ler »Asha Club Rio

Em tempos de Internet, nem toda nudez precisa ser castigada

Este é um post bem objetivo, um tapa-buraco enquanto não temos tempo para desenvolver outros temas que estão em nossa lista de pautas. A intenção dele é ajudar você, exibicionista como nós, a entender melhor quais os limites que Instagram e Twitter – as principais redes usadas por quem quer mostrar suas vergonhas por aí – impõem a conteúdos sensuais e eróticos.

Print de conversa do instagram
Mais um post para ajudar os outros. Talvez não sejamos pessoas tão horríveis assim!
Continue a ler »Em tempos de Internet, nem toda nudez precisa ser castigada

Nossas frustrações com o sexo pago

Temos esse site há mais de um ano, e com o passar do tempo ele foi se tornando mais que uma válvula de escape do nosso exibicionismo. Percebemos que as pessoas curtem nossos textos, nossas fotos, e isso acaba nos ajudando bastante na hora do flerte. Dá para dizer que ele virou um “portfólio” nosso, um lugar em que contamos as nossas experiências e mostramos aos interessados o que somos capazes de fazer.

Pés de um casal deitado na cama
Somos preguiçosos, mas nos dê uma chance, trabalhamos bem!
Continue a ler »Nossas frustrações com o sexo pago